30.4.12

Untitled(zenit-11 & kodak farbwelt 200)

Já se passou algum tempo desde que eu e a Raquel conversámos sobre um cachecol que ela haveria de fazer para mim (isto porque ela publicou no seu deviantart uma fotografia de um cachecol que andava a fazer para ela), tal como já se tinha passado algum tempo desde que eu e a Raquel tínhamos conversado pela última vez, mas quando nos voltámos a encontrar (o facebook, o flickr) e ela me pediu um chá, também se referiu o cachecol (já o tinha acabado mas que tinha vergonha de enviar) eu, com o inverno ainda à porta e porque coisas feitas à mão são sempre um mimo, disse que gostaria muito que ela me enviasse o pequeno. E o tempo passou e outros eventos se meteram pelo o meio (incluindo o terrível teste de geometria e a viagenzinha à serra da estrela) e quando hoje desci as escadas para ir ter com o carteiro fiquei bastante surpreendida ao ver que eu também recebia algo, um envelope, bem fofinho por sinal, nem precisei de procurar quem tinha enviado! Corri para cima e sem folgo tentei explicar à minha mãe do que se tratava e de quem era. Estava bastante *inserir palavra correcta* e ainda nem tinha reparado no postal, no postal que vinha com um Martinha, miminho, parabéns atrasados e girassóis com problemas de identidade. Isto tudo, fez-me perceber o carinho e atenção que há do outro lado e não poderia ter ficado mais *inserir palavra correcta*. Já teria ficado contente só com o cachecol, só com o postal, porque vocês sabem que o dia em que se recebe correio (coisas bonitas) são sempre dias de felicidade. Para acrescentar mais algo de bom ao dia, hoje está um dia feio e cinzento e mesmo sem saber a minha roupa fica muito bem com o meu novo cachecol. Sim, é verdade, hoje vou sair à rua toda orgulhosa com miminho que a Raquel enviou.

Um muito obrigada Raquel. 

1 comentário

  1. ó, que fofas! *-*

    http://thegoodthingsandalltherest.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Copyright © isto já não vai lá com chás
Design by Fearne