28.5.12






Então, faz hoje, pouco mais de um ano que vim viver para esta casa e para este quarto. Desde do primeiro dia que aqui entrei (muito antes das mudanças, das limpezas, dos móveis) eu já sabia que este tinha que ser o meu quarto (também não dava para mais ninguém, na verdade, uma cama de casal não caberia neste quarto). Havia as rosas que eu conseguia ver das janelas, a varanda (quem segue este blog e quem me conhece, sabe o quanto eu gosto de varandas) e a imensa luz. Inicialmente, por ser tão pequenino (é mais ao menos quadrado, com mais ao menos três metros cada parede) apenas continha a cama, a prateleira verde, o espelho e o armário embutido, mas depois, lentamente, começou a ganhar outra forma, outra história e um espaço, sempre com ar fresco, uma luz simpática e um sítio onde me venho a sentir cada vez mais em casa. Reparei quando tirei estas fotografias que quase tudo aqui tem uma história para contar, e seria um post demasiado longo, confuso e aborrecido seu eu começasse para aqui a contar tudo ao pormenor, deixo apenas estas fotografias e espero que reparem em todos os pormenores e descubram coisas engraçadas!
Copyright © gentesentada
Design by Fearne