2.10.14

a outra metade de Setembro

Sinto que estes quinze dias passaram num instante, sinto-me cada vez mais perto do fim de Outubro (altura em que quero que a Mau Humor esteja totalmente de volta), perto do final de semestre e perto do Natal. Sinto que esta enorme urgência do tempo de acelerar as vivências. Tenho vivido alguns dias de ansiedade e decisões difíceis. Ou seja, andar com os nervos à flor da pele e chorar porque acabou o fiambre (isto não aconteceu de facto, mas era o tipo de coisa que poderia ter acontecido). Ainda mantenho o cabelo cor-de-rosa apesar de toda a gente me ter dito que iria perder a cor em quinze dias, e é verdade que perdeu e ainda bem. Estou a adorar todas as suas fases e tenho tentado registar um pouco estas mudanças. Recebi um postal da Ana, não fiz exercício físico, bebi muito chá, para desenho III decidi fazer a história da Blimunda Sete-Luas, comecei a ler o Memorial do Convento de José Saramago para esse efeito Não o consegui ler a tempo de escrever uma sinopse, então optei pela história que o Max conta à mãe no filme Where the wild things are. Fiz uma prenda para o Luís e troquei dois dedos de conversa (muito rápido) com uma das caras desse lado e acho que é sempre bom quando podemos associar algo de carne e osso a um espaço tão virtual. 
 

2 comentários

  1. Vejo que não sou a única, também só quero que o tempo passe e com urgência! Percebo-te!

    Bom fim-de-semana Marta :)

    ResponderEliminar

Copyright © gentesentada
Design by Fearne