5.1.17

as minhas luvas novas

não sei quando começou mas há um par de anos que não mantenho um par de luvas durante todo o inverno. por norma perco sempre uma do par e agora possuo uma pequena colecção de luvas despernadas, sempre com alguma esperança que um dia as volte a casar. já perdi luvas que gostava muito, já perdi luvas pirosas, já perdi luvas de outras pessoas, já perdi luvas caras e já perdi uma luva amarela fluorescente ~sim, é verdade~. agora não dou mais do que uma moeda por par e não importa muito se tem uma minnie no dedo mindinho já que o destino lhe é conhecido. porque conto isto agora, perguntas tu? no inicio de dezembro comprei um par em tons de roxo-escuro-tipo-vermelho-do-vinho (por acaso combina com o gorro) e tem sido um pouco peculiar os acasos da vida que me fazem manter este par. já perdi várias vezes o par e voltou sempre para mim: na mesa do café, na sala de espera de um hospital ~menina, esta luva não é sua?~, no estrada junto ao carro ~ao regressar: oh a minha luva está aqui, quando eu ainda nem tinha percebido que me faltava uma luva~ , no carro deste e daquele, nas escadas do prédio... vão assim somando as mini histórias. estará alguém a conspirar para que guarde este par para o próximo inverno também? certamente não é uma das pessoas que perdeu as luvas à minha conta. 
Copyright © gentesentada
Design by Fearne