2.2.17

palavras

Sem título

quando alguém que nos é tão próximo tem uma doença tão assustadora começamos logo a pensar em soluções para matar aquele bicho papão. a vontade de trocar de lugar, de ir em vez, de decobrir os processos novos ~e por vezes dolorosos~ por essa pessoa é grande, mas impossível. encolhemos o coração, não nos armamos em heróis, damos a mão e estamos lá. ~escrevi algures, em novembro.

Sem título
Copyright © gentesentada
Design by Fearne